O Caminho Primitivo de Santiago é o mais antigo e o menos transitado. Também é considerado o mais difícil, mas cada  quilômetro de caminhada está cheio de surpresas e paisagens que fascinam pela sua beleza. Vale a pena peregrinar pelas suas sendas!

No ano de 2007, meu marido e eu realizamos o Caminho Primitivo de Santiago, considerado um dos mais bonitos e menos transitados. O caminho inicia em Oviedo, região de Asturias, e na cidade de Melide, já na região da Galícia, se junta com o Caminho Francês. A partir dai, faltam apenas três etapas para chegar a cidade de Santiago de Compostela.

O Caminho Primitivo tem etapas difícies mas, a beleza dos vales, montanhas e bosques compensa a caminhada e o esforço. É um dos caminhos onde a natureza nos presenteia com paisagens incríveis e gratificantes surpresas.

Nele, recebemos o carinho e a atenção de gente desconhecida que nos ofereceram café e sopa quente, nos dias mais frios, e também abrigo nos dias de chuva. Passamos por povoados quase desertos, lugares onde reinava a calma e o silêncio. Cruzamos riachos de águas claras, bosques de árvores centenárias, caminhamos ao lado de imensas lesmas e caracóis, subimos e baixamos por trilhas escarpadas e, a cada nova etapa, algo novo nos maravilhava.

Em 15 dias, percorremos 347km e quando chegamos a Santiago de Compostela reencontramos algumas das pessoas que havíamos conhecido no caminho. Temos buenos recuerdos destes dias e muitos deles se tornaram inolvidables.

Esse tipo de experiência vale a pena realizar. Não importa qual o caminho, nem o motivo para realizá-la. O importante, realmente, é curtir cada momento e a companhia daqueles que encontramos pelo caminho.

Abaixo, deixo algumas informações para quem deseja conhecer um pouco mais sobre o Caminho Primitivo: etapas do caminho, lista de albergues, curiosidades. Todo o material está em espanhol. Assim, poderão praticar um pouco mais o idioma. ¡Boa leitura!

Etapas do Caminho Primitivo

O Caminho Primitivo começa em Oviedo e possui 14 etapas até chegar a Santiago de Compostela. O ritmo da caminhada e o número de quilômetros pode variar muito. Desde 2007, foram construídos muitos albergues e a segurança e as trilhas também foram melhoradas. Por isso, o ideal é que cada um imponha o seu ritmo e resolva descansar quando esteja cansado. Para isso estão os albergues e cada povoado ou cidade também merece ser visitada. Realizar o caminho com o objetivo de gozar da experiência e não sofrer, massacrando os pés, curtindo as paisagens e a companhia de quem encontramos pelo caminho, faz toda a diferença.

Folheto informativo sobre o Caminho Primitivo. Cliquem na imagem e poderão baixar o documento em formato pdf.

Para conhecer mais sobre cada uma das etapas do Caminho Primitivo, por onde ir, o que ver e fazer, visitem os sites de Pilgrim e Correos. Já para saber onde descansar e dormir, entrem no site Albergues do Caminho de Santiago.

Curiosidades do Caminho de Santiago

Você sabe por que a concha é o símbolo do Caminho de Santiago?

Sabia que existe um documento que registra cada etapa do caminho percorrido pel@s peregrin@s do Caminho de Santiago? Tem o formato de uma pequena caderneta e recebe o nome de Credencial del Peregrino.

Ao chegar a Santiago de Compostela, tod@ peregrin@ pode pedir um certificado que comprova que realizou o Caminho de Santiago.

Gostou do post? Compartilhe com quem gosta de aprender espanhol ou tem curiosidade em conhecer a cultura de outros países.